Grande sonho: Correr uma das maiores maratonas do Mundo!

Além da saúde a corrida pode te proporcionar novos cenários, amigos e muitas histórias para contar na volta. Você ganha várias vezes, se mantêm focado em seus treinos/objetivos e tem um plus de cultura.

Correndo, você descobre várias cidades pelo mundo e deixa sua “marca registrada” sua passada em quilômetros por vários países.

No Brasil temos as maratonas das principais regiões brasileiras, São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte etc. Estas cidades são verdadeiros mares de gastronomia, história, receptividade, afinal, sabem como tratar turistas.

As possibilidades de turismo esportivo aumentam exponencialmente ano à ano, para cá e nas gringas. No exterior, temos as famosas maratonas, muito difundidas pelo número de atletas de elite e organização impecável.

As chamadas Marathon Majors acontecem em Nova York, Boston, Chicago (EUA), Berlim (ALE), Londres (ING) e Tóquio (JAP).
Vamos dar algumas pequenas pinceladas de como elas são:

Nova York
A prova invade os cinco bairros da cidade, tem chegada no Central Park e uma das maiores torcidas que se pode ver.

Boston
Cheia de histórias e com percurso difícil, traz na simples qualificação para a prova uma vitória.

Chicago
O percurso passa por 29 bairros e atrai atletas de mais de cem países.

Berlim
Palco de 10 recordes mundiais, seu percurso plano passa por pontos magníficos da cidade (tradicionais), e tem uma multidão cheia de boas vibrações.

Londres
Cenário de recordes mundiais, costuma atrair a elite do atletismo.

Tóquio
O corredor se aventura nos sons e pontos turísticos inusitados dessa capital.

O público participante e os espectadores aumentam todos os anos. É um batalhão de gente em busca de hotéis, restaurantes, locais tradicionais e a cidade comemora a cada evento.

A participação dos cidadãos locais na organização das provas é visível, muitos deles esperam esses eventos para dar notoriedade a receptividade e proatividade, fazendo com que cada ano mais e mais atletas voltem.

Fonte: Runner’s World – Ed. 86
Imagem: Maratona de Nova York